Qual o ponto da distorcao?

Qual o ponto da distorção?

Nessa distorção o ponto está em achar que sabe o que os outros estão pensando. Então, sem qualquer dado concreto ou evidência, a pessoa infere o que alguém pensa ou sente a respeito dela.

Quais são as distorções do pensamento?

As distorções representam certos padrões no pensamento. Ou seja, as pessoas pensam sobre a realidade de maneira distorcida, o que causa diversos níveis de sofrimento. Muitas vezes, isso acontece sem que elas percebam. Por isso, o tratamento com um psicólogo faz toda a diferença.

Como se comportar com distorção cognitiva?

Ou seja, alguém que tem uma distorção cognitiva e se vê de modo negativo, vai apresentar sentimentos como ansiedade, tristeza e frustração com mais frequência. Além disso, a pessoa também passa a se comportar de maneira disfuncional — por exemplo, se afastando dos amigos por considerar que não é querida por eles.

Como a pessoa se comporta de maneira disfuncional?

Além disso, a pessoa também passa a se comportar de maneira disfuncional — por exemplo, se afastando dos amigos por considerar que não é querida por eles. Em geral, as distorções cognitivas estão envolvidas em contextos diversos, desde simples equívocos de interpretação até problemas mais sérios, como os transtornos alimentares.

LER:   Como faco para abrir um arquivo no Word online?

Quais são as distorções cognitivas?

Existem vários tipos de distorções cognitivas, podendo muitas delas manifestar-se na mesma pessoa e, embora possa acontecer em diferentes casos, é mais comum naquelas que sofrem de depressão. A detecção, a análise e a resolução destas situações pode ser feita recorrendo a sessões de psicoterapia, nomeadamente à terapia cognitivo-comportamental. 1.

Como se repete essa distorção cognitiva?

Outro exemplo clássico, que se repete no dia a dia de quem tem essa distorção cognitiva, é deduzir que os outros devem falar ou pensar mal de suas condutas. Esse pensamento disfuncional está diretamente ligado à crença central da necessidade de aprovação. 8. Catastrofização