Quais sao as formas de empregar o discurso?

Quais são as formas de empregar o discurso?

De meados do século XX até os dias de hoje, consolidaram-se três maneiras distintas de empregar o discurso: como demarcação dos campos do saber, seja ele prático ou teórico. É o que queremos dizer, por exemplo, com o discurso do jornalismo, o discurso da física, entre outros.

Qual é a história da análise do discurso?

chamamos de “análise do discurso” tem uma história que chega a dois mil anos, desde os estudos da Retórica grega, e se estende a um presente com ares de science fiction na tentativa da linha francesa de empreender uma “análise automática do discurso”

Por que o discurso influencia na emoção?

Neste método o que é influir na emoção e não no raciocínio do ouvinte ou leitor, como modo de impressioná-lo. Segundo a concepção do linguista francês Émile Benveniste, o discurso é a expressão da língua como instrumento de comunicação.

LER:   Qual o significado de se modificar?

Qual o papel do discurso dominante no mundo?

Segundo Foucault, mais importante que o conteúdo dos discursos, é o papel que eles desempenham na ordenação do mundo: um discurso dominante tem o poder de determinar o que é aceito ou não numa sociedade, independentemente da qualidade do que ele legitima. O discurso dominante não está comprometido com uma verdade absoluta e universal.

Qual a concepção de discurso de Aristóteles?

Aristóteles, ao longo do Organon, acaba tipificando quatro espécies de discurso, segundo sua finalidade, ordenando-os segundo o grau de rigor que o método produz. A concepção de discurso tratada por Aristóteles se liga mais à primeira acepção da palavra, conforme explicado anteriormente.

Quais são os tipos de discurso?

A análise de um discurso deve, portanto, considerar o contexto em que se encontra, assim como as personagens e as condições de produção do texto. Em um texto narrativo, o autor pode optar por três tipos de discurso: o discurso direto, o discurso indireto e o discurso indireto livre.

Por que o discurso é uma prática social?

LER:   Qual a causa do problema com a bateria do notebook?

Sendo assim, todo discurso é uma prática social. A análise de um discurso deve, portanto, considerar o contexto em que se encontra, assim como as personagens e as condições de produção do texto. Em um texto narrativo, o autor pode optar por três tipos de discurso: o discurso direto, o discurso indireto e o discurso indireto livre.