Como a crônica pode ser classificada?

Como a crônica pode ser classificada?

Apesar de ter em comum o tom crítico com a intenção de causar uma reflexão no leitor sobre o assunto abordado, a crônica pode ser classificada em: descritiva, narrativa, dissertativa, narrativo-descritiva, humorística, lírica, jornalística e histórica.

O que é um texto em forma de crônica?

A crônica é um gênero textual muito presente em jornais, revistas, portais de internet e blogs. Esse tipo de texto se destaca por abordar aspectos do cotidiano. Ou seja, questões comuns do nosso dia a dia.

Quais são os 3 tipos de crônica que existem?

Quais são os tipos de crônicas?

  • Crônica descritiva. A crônica descritiva é tipificada pela descrição dos elementos na narrativa.
  • Crônica narrativa.
  • Crônica dissertativa.
  • Crônica humorística.
  • Crônica lírica.
  • Crônica poética.
  • Crônica narrativo-descritiva.
  • Crônica jornalística.

O que é crônica na língua portuguesa?

A crônica é um gênero textual caracterizado por textos curtos, de linguagem simples e que retrata os aspectos da vida cotidiana, geralmente com toques de humor ou ironia.

LER:   Como tirar o anexo do corpo do Email?

Qual a origem da palavra crônica?

Do latim, a palavra “crônica” (chronica) refere-se a um registro de eventos marcados pelo tempo (cronológico); e do grego (khronos) significa “tempo”. Portanto, elas estão extremamente conectadas ao contexto em que são produzidas, por isso, com o passar do tempo ela perde sua “validade”, ou seja, fica fora do contexto.

Quais são as crônicas da atualidade?

Podemos destacar a crônica descritiva e a crônica dissertativa. Além delas, temos: Crônica Jornalística: mais comum das crônicas da atualidade são as crônicas chamadas de “crônicas jornalísticas” produzidas para os meios de comunicação, onde utilizam temas da atualidade para fazerem reflexões. Aproxima-se da crônica dissertativa.

Quais são as características fundamentais da crônica?

Nesse trecho tão esclarecedor podemos destacar as características fundamentais da crônica, como, por exemplo, a aproximação com o público, na medida em que contém uma linguagem mais direta e despretensiosa. Além disso, o autor destaca um de seus principais aspectos, ou seja, a curta duração que possui esse produção textual.

LER:   Qual o sufixo de bacia?

Por que crônicas são curtas?

Além de ser um texto curto, possui uma “vida curta”, ou seja, as crônicas tratam de acontecimentos corriqueiros do cotidiano. Do latim, a palavra “crônica” ( chronica) refere-se a um registro de eventos marcados pelo tempo (cronológico); e do grego ( khronos) significa “tempo”. Portanto, elas estão extremamente conectadas ao contexto em que são